Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




"Não há boa terra sem bom lavrador"

por Agricultando, em 27.03.16

Este texto foi publicado no dia 27 de Março de 2016, na revista "Mais" do Diário de Notícias.

O "Agricultando" deste mês versa sobre o livro "Provérbios Agrícolas Portugueses" de Paulo Patrício Brum Amaral numa edição da Agrobook lançada em Dezembro de 2015. Esta obra de 208 páginas resultou da tese de mestrado em Engenharia Agronómica do seu autor. Como é sabido, os provérbios transmitem em poucas palavras o conhecimento e experiência acumulados ao longo de gerações e que apesar do decorrer dos tempos, são intemporais e actuais. Esta publicação apresenta 526 provérbios relacionados com a agricultura por entre os mais de 10.000 provérbios existentes em Portugal, tendo sido ordenados alfabeticamente. A cada um efectuou-se uma análise agronómica, isto é, foram estudados no âmbito das ciências agrárias. Para agilizar a consulta, criou-se um índice temático dividido por três categorias: meses do ano, cultura e actividade agrícola. Deixo aqui alguns exemplos: "Abóbora semeada na lua cheia, dá abóbora e meia", "Entre couve e couve, alface", "Grandes árvores dão mais sombra que fruto" e "Não há boa terra sem bom lavrador". O primeiro indica que a altura ideal para a sementeira daquela hortícola é a lua cheia, já que as fases da lua são determinantes para o desenvolvimento das culturas. O segundo provérbio mostra que a consociação entre couve e alface é uma prática cultural benéfica para o controlo de pragas e doenças, a diminuição de ervas daninhas, o melhor aproveitamento do terreno, entre outras vantagens, podendo também consociar-se à couve, a acelga, o aipo, o alho francês ou a beterraba. O terceiro aponta que quanto mais vigorosa for uma árvore, menor será a produção em relação ao volume da copa, pois a penetração de luz no seu interior é essencial para que haja floração e qualidade dos frutos, sendo necessário podá-la para promover o equilíbrio. O quarto provérbio revela que às características intrínsecas do solo e do clima local, o modo como é mobilizado e ocupado pelo homem, é condição necessária para que essa terra permaneça fértil e "viva". Ao fim e ao cabo, que outro melhor exemplo para este último ditado para aquilo que os nossos antepassados tão bem souberam fazer, erigir poios em relevo agreste para aí produzir alimentos e garantir o sustento!

O Restaurante O Cantinho do Norte (telefone: 291753091; com página no facebook) localizado no Caminho do Esmeraldo, número 37, freguesia de São Martinho, concelho do Funchal, começou a sua actividade a 21 de Setembro de 2015 pelas mãos da família Rodrigues, natural de Gondomar (distrito do Porto). Os aromas e sabores do Norte do país estão presentes logo no início da refeição com os rissóis de carne e de camarão, os bolinhos (pastéis) de bacalhau e as pataniscas. Nos pratos principais e que são confeccionados rotativamente ao longo do mês, destacam-se o cozido à portuguesa, o leitão e o cabrito assados em forno a lenha, a feijoada, o bacalhau e o polvo à lagareiro, o bacalhau à Liberdade que consiste numa posta de bacalhau frita em azeite com cobertura de cebola e pimentão e que acompanha com batata frita às rodelas ou cozida. Como casa nortenha, a muito procurada francesinha e o picadinho à moda do norte estão sempre disponíveis. Nas sobremesas caseiras, o bolo de bolacha, a mousse de chocolate e o pudim de maracujá decorado com maracujá fresco tornarão a escolha difícil. Como as iguarias servidas no Cantinho do Norte precisam de bons e frescos ingredientes, os produtos agrícolas como a semilha [regionalismo para batata], a batata doce, a couve, a cenoura, a cebola, entre outros são comprados no Norte da Ilha e no Mercado dos Lavradores onde vai buscar-se a alface e o tomate, assim como o peixe.

Em suma, tem neste espaço a boa comida do Norte de Portugal e o bem receber da família Rodrigues que faz questão de ter na cozinha os produtos agrícolas regionais, porque fazem sempre toda a diferença!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:51



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Calendário

Março 2016

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Número de visitas | Desde 14 de Outubro de 2007

80.000 visitas alcançadas a 9.4.2015!