Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Conhecer o que fica tão perto!

por Agricultando, em 28.09.14

Este texto foi publicado no dia 28 de Setembro de 2014, na revista "Mais" do Diário de Notícias.

Neste "Agricultando", é altura de escrever sobre a Ilha do Porto Santo, até porque há algum tempo que não o fazia. De acordo com o Recenseamento Agrícola 2009 da Direcção Regional de Estatística, este concelho apresenta apenas 134 explorações agrícolas, enquanto que o município de Câmara de Lobos tem 2.153 explorações, sendo por isso, os que têm menos e mais explorações agrícolas na Região, respectivamente. Por outro lado, é na Ilha Dourada que existe a maior área média por exploração do Arquipélago, cerca de 23.000 metros quadrados, seguida pelo concelho do Porto Moniz, que tem 5.900 metros quadrados por exploração. Apesar da substancial superfície média individual disponível na Ilha vizinha, acresce dizer que dos 309 hectares de Superfície Agrícola Utilizada, mais de dois terços são considerados pastagens permanentes, porém com muito pouca actividade pecuária. Outra curiosidade é que o Porto Santo em termos vitícolas, é o sétimo dos 11 municípios, com quase 58 hectares, dos quais perto de 42 hectares são castas europeias (Vinho Madeira e Vinho de Mesa), e o segundo concelho da Região em área de uva de mesa. As hortícolas onde se destacam a batata doce, a cebola, o tomate, entre outras e as frutícolas como a melancia, o figo, o tabaibo, o maracujá e a romã, compõem o leque de produtos agrícolas que podemos encontrar naquela Ilha, quer nos pontos de venda no centro da Vila Baleira, quer na restauração local.

O Restaurante Gazela (telefone: 291622005), localizado na Rua Dr. Francisco Rodrigues Jardim, número 22 (Sítio do Campo de Cima), freguesia e concelho do Porto Santo, iniciou a actividade há cerca de 30 anos. O actual proprietário, Fernando Correia, também conhecido como Fernando "o Batata", com ampla experiência no sector da hotelaria e restauração local, gere esta casa desde Fevereiro de 2012. Para início de refeição, pode petiscar um polvo à Gazela, que é cozido e é servido cortado às rodelas com um molho especial, umas lapas do Porto Santo, um bolo do caco ou um pão d’ Avó. Nos pratos principais, o arroz de marisco, o polvo à lagareiro, o peixe fresco do dia grelhado com semilha [regionalismo para batata] cozida com casca e salada, e as especialidades como a espetada regional, o leitão (ao sábado) ou o cozido à portuguesa, tornarão a escolha difícil, mas qualquer uma das opções revelar-se-á oportuna. Nas sobremesas, o pudim de pitanga e o pudim de maracujá confeccionados com frutos de produção local, assim como o pudim de requeijão, irão surpreendê-lo pela sua frescura e qualidade. O Gazela dá preferência aos produtos agrícolas da Ilha Dourada e por isso, a alface, o tomate, a cebola, a cenoura e a semilha (quando não há, usa a semilha de Santana), bem como a pitanga, o maracujá, entre outros frutos, marcam presença nos seus pratos, pois acrescentam sabor e valor. Os produtos do mar são igualmente de origem local.

Uma casa que vale a pena (re)descobrir!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:07

E vão sete anos de Agricultando!

por Agricultando, em 09.09.14

Foi no dia 9 de Setembro de 2007 que iniciei na revista do Diário de Notícias da Madeira, uma rubrica sobre Agricultura madeirense. O primeiro texto então publicado teve como título, "Pêro da Ponta do Pargo em festa". Depois veio o blogue Agricultando a 14 de Outubro de 2007 e ao fim de quase três anos, acabei por escrever 71 textos que foram publicados quinzenalmente na revista Mais do DN Madeira. Esses artigos foram compilados num livro que foi lançado em 21 de Março de 2011, numa edição de autor através da empresa Agricultando.

Em Janeiro de 2011, o Agricultando regressava à revista do DN Madeira desta vez com frequência mensal e abordando agricultura e gastronomia regionais, na vertente da restauração.

A 16 de Dezembro de 2013 é lançada a edição inglesa do livro "Agricultando*|*Cultivating - 71 texts about Madeiran Agriculture".

Com o vosso imprescindível apoio, o Agricultando quer continuar a dizer "presente" na revista Mais do DN Madeira e nos livros (em português e em inglês), bem como na internet (blogue e página do facebook), divulgando sempre o que de bom e numa perspectiva agrícola, as Ilhas da Madeira e do Porto Santo têm para oferecer ao residente e ao visitante!

Muito obrigado!

{#emotions_dlg.smile}

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:43


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Calendário

Setembro 2014

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Número de visitas | Desde 14 de Outubro de 2007

80.000 visitas alcançadas a 9.4.2015!