Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Uma vista de "arregalar" o nosso paladar!

por Agricultando, em 27.04.14

Este texto foi publicado no dia 27 de Abril de 2014, na revista "Mais" do Diário de Notícias.

O concelho de Santa Cruz é muito diversificado em termos agrícolas, embora predomine o cultivo de hortícolas. De acordo com o Recenseamento Agrícola de 2009 da Direcção Regional de Estatística, é o segundo município com mais área agrícola de hortenses com 194 hectares, apenas suplantado pelo concelho de Santana que tinha quase 232 hectares para um total regional de cerca de 1.155 hectares. Dessas hortaliças produzidas em solo santa-cruzense, a cebola será certamente a mais conhecida e afamada. E é nesta altura do ano, que surge a cebola "nova" do Caniço de casca quase branca a um amarelo claro, muito procurada pelo seu sabor e qualidade de excelência. Como já referi noutros artigos, é importante contarmos com os nossos produtos agrícolas, consoante a oferta sazonal, quer em casa, quer quando vamos desfrutar de uma refeição num restaurante. É de reter igualmente que qualquer um dos 11 concelhos do Arquipélago da Madeira, tem um ou mais de um produto agrícola que representa essa localidade e imagino que o leitor ao ler estas linhas, estará a fazer um exercício de memória de que é possível fazer uma lista apreciável de hortofrutícolas da nossa terra. Apesar de ser um território pequeno, a nossa Região é grande na sua biodiversidade agrícola e há que aproveitar essa riqueza, usando os produtos da terra nas cozinhas domésticas e do sector da hotelaria e restauração, para o fortalecimento da economia rural e o deleite gastronómico do residente e do visitante.

A Churrascaria A Vista d’ António (telefone: 291933431), localizada na Estrada Eng.º Abel Vieira, número 77, freguesia do Caniço, concelho de Santa Cruz, faz questão de consumir produtos agrícolas locais como a semilha (regionalismo para batata), alface, cebola, tomate, entre outros e sempre que possível dá preferência à carne de origem regional. Esta casa especializada na confecção de carnes assadas na brasa começou como bar no dia 14 de Abril de 2002, tendo passado a restaurante em Fevereiro de 2005, sendo que em Novembro de 2007 foi remodelado, numa imagem que se mantém até ao presente. O proprietário, António Luís, é o cozinheiro e prepara os pratos à vista dos comensais, pois os dois fornos estão na sala principal. Como curiosidade, refira-se que o sítio onde se situa a churrascaria, era conhecido como o sítio da Vista d’ Igreja, já que dali se avistava em primeiro lugar, a Igreja do Caniço, o que nos dias de hoje, já não é tão evidente devido à construção de apartamentos, mas mesmo assim, merece da nossa parte, um olhar atento para esta freguesia/cidade. Para uma refeição inesquecível, poderá começar com umas salsichas como entrada. Nos pratos principais e assados na brasa, tem uma muito generosa e deliciosa costeleta de vaca, um entrecosto ou um frango "bebé", pois o seu tamanho ronda as 650 gramas. A acompanhar estas especialidades, a batata frita em palitos finos caseira e uma salada de alface, cebola e tomate para dar um colorido ao prato. Nas sobremesas, o pudim de maracujá e um original semi-frio de Beirão (o do licor, pois então!) são escolhas para os que não dispensam algo doce. Uma nota de referência para a apreciável garrafeira visível da sala, mas devidamente isolada e com temperatura controlada para garantir que o vinho será servido à temperatura ideal.

Em suma, uma vista que delicia o sentido do gosto!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:32


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Calendário

Abril 2014

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Número de visitas | Desde 14 de Outubro de 2007

80.000 visitas alcançadas a 9.4.2015!