Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Perpetuar o sabor da nossa agricultura

por Agricultando, em 24.02.13

Este texto foi publicado no dia 24 de Fevereiro de 2013, na revista "Mais" do Diário de Notícias. Desde o povoamento da Madeira e Porto Santo foram aqui introduzidas várias culturas agrícolas que na passagem do tempo, ajustaram-se ao clima e solo locais, ganhando características diferentes das iniciais e perdurando até aos nossos dias, graças às gerações de agricultores madeirenses. Mas, porque havia o risco de perder-se essa biodiversidade agrícola pela substituição por outras variedades comerciais de uso global, ocorrida sobretudo a partir dos anos 70 e 80 do século XX, surge na primeira década deste século, o Germobanco Agrícola da Madeira, uma parceria entre a Associação de Agricultores da Madeira (AAM) e a Universidade da Madeira (UMa). O Germobanco ou o lugar onde se guardam as sementes e plantas de interesse agrícola, tem o intuito de recuperar, conservar, caracterizar e aperfeiçoar as espécies hortofrutícolas autóctones e adaptadas, para serem utilizadas pelos agricultores de agora, garantindo boas produções e aumentando o seu rendimento. São disso exemplo, as variedades regionais seleccionadas de trigo, milho, feijão, batata doce, cebola, cereja, maçã, figo, entre outras, sendo que no caso das fruteiras, a Direcção Regional de Agricultura e Desenvolvimento Rural e outrora, a Estação Agrária da Madeira já tinham levado a cabo um valioso trabalho de selecção. Por outro lado, a confecção destes produtos na nossa gastronomia, em casa, no hotel ou no restaurante, dá-lhe um cunho próprio, perpetuando uma parte importante da identidade cultural madeirense. Para que a opinião pública tenha conhecimento do trabalho desenvolvido pelo Germobanco Agrícola da Madeira, realizou-se no dia 26 de Janeiro, um almoço de degustação no Restaurante Armazém do Sal (telefone: 291241285, com página no facebook), à Rua da Alfândega, número 135, no Funchal. Esta actividade inserida no âmbito do projecto "Do Poio ao Prato, inovação com tradição" e organizada pela UMa, tem como objectivos, valorizar os recursos agrícolas regionais e fomentar a bioeconomia regional, quer junto da população, quer junto principalmente do sector da hotelaria e restauração. O seu responsável, Professor Doutor Miguel Ângelo Carvalho e equipa, com a colaboração de três agricultores dos concelhos de Santa Cruz, Porto Moniz e Câmara de Lobos, que cederam os produtos agrícolas, dos Chefes de Cozinha, Roberto Barros (residente do restaurante) e Yves Gautier (convidado), concretizaram um almoço com sete pratos, onde as variedades regionais de batata doce, "Cinco Bicos" e "Inglesa" e de maçã, "Pêro Domingos", foram as protagonistas. Assim, o repasto iniciou-se com um "caviar" de batata doce e maçã sobre "blinis" de batata doce, preparado com produtos e técnicas da tão em voga, cozinha molecular. Depois, foi servida uma sopa de batata doce e flor de funcho, com um toque aprazível de pimenta e uma crocante fatia de pizza de batata doce. Como prato principal, "fish and chips" de espada e batatas fritas de batata doce com anis estrelado. À sobremesa, um "carpaccio" de maçã com "cigare" (charuto) de batata doce e sabor de maracujá e um gelado de batata doce salgado, contrastando com o doce do molho de maracujá e da maçã. Uma nota final para os vinhos de mesa madeirense Barbusano rosé e branco e o vinho Madeira Blandy Bual 5 anos, servidos no decorrer deste almoço. É de felicitar esta e outras iniciativas realizadas (em Maio de 2011 houve um jantar no Restaurante Hora da Gula organizado pela AAM no contexto do Germobanco Agrícola), pois a relevância dos nossos produtos agrícolas e seus derivados na gastronomia madeirense, pela sua frescura, qualidade e especificidade, conferem aos pratos tradicionais e contemporâneos, algo de precioso, a que o comensal, local ou visitante, valoriza e recorda sempre!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:15


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Calendário

Fevereiro 2013

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Número de visitas | Desde 14 de Outubro de 2007

80.000 visitas alcançadas a 9.4.2015!