Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Saberes e sabores das nossas gentes

por Agricultando, em 30.12.12

Este texto foi publicado no dia 30 de Dezembro de 2012, na revista "Mais" do Diário de Notícias. Neste tempo da Festa, é gratificante ver a abundância das nossas hortícolas e frutas que dão cor às bancas de venda e às mesas, deliciando os sentidos. Quem não gosta de visitar o Mercado dos Lavradores nesta altura do ano e comprar a semilha nova, a batata doce, a "vaginha" (regionalismo que significa feijão verde), os "espigos", a couve repolho, entre outros. Os frutos da estação como a tangerina, a laranja de "umbigo" (ou "Baía"), a anona, a goiaba, o abacate, o tomate arbóreo, os pêros regionais "Domingos", "Ponta do Pargo", "Calhau" e as maçãs "Cara de Dama", "Barral", "Reineta", são igualmente presença obrigatória nas "lapinhas" e nas "lapinhas de escadinha". A combinação feliz de microclimas, o factor altitude, as vertentes norte e sul da Ilha, a valiosa biodiversidade agrícola local e o saber-fazer do Agricultor madeirense, proporcionam num território pequeno como o nosso, algo que é difícil encontrar noutro ponto do país e impossível de comparar com outra região europeia. Diria mesmo, que é um presente afortunado pela natureza, abençoado por Deus e acarinhado pelo ilhéu. No passado dia 8 do presente mês, Manuel Araújo, também conhecido por Rocha, apresentou na Escola Secundária Francisco Franco, o seu primeiro livro "Roteiro Gastronómico das “Ilhas Afortunadas” – Madeira e Porto Santo". Funcionário recentemente aposentado daquela escola, dedicou-se desde sempre a defender e a promover a gastronomia madeirense, apelando ao consumo dos produtos agrícolas regionais, pela sua qualidade e frescura e pela valorização da economia insular. Nesta edição de autor, Manuel Araújo, natural da Camacha, faz uma viagem pelos aromas e sabores da Madeira e Porto Santo, tendo reunido mais de 100 receitas em 85 páginas. Dividiu a sua obra em cinco capítulos, "Licores e outros", "Entradas/Escabeches", "Sopas/Caldos", "Peixe/Carne/Arroz/Massas" e "Bolos/Broas/Sobremesas". Estão lá os licores de tangerina e tim-tam-tum, tão característicos da época natalícia. As entradas, gata (ou bacalhau de Câmara de Lobos) de escabeche e as lapas grelhadas. Nas sopas, as quentinhas canja e açorda madeirense e a original sopa de maçã (Camacha). Nos pratos de peixe, a espada em camadas (Câmara de Lobos) e a feijoada de atum (Machico) confeccionada com feijocas. Nos pratos de carne, a carne da noite (São Jorge), a carne frescal (Camacha) que é preparada na Festa e tem a particularidade de poder ser guardada durante um mês, o guisado com cuscuz, uma receita proveniente do Convento de Santa Clara e servida na Páscoa, o cozido da Ribeira Brava. Nas sobremesas, o bolo de maçã (Camacha), a torta de banana (Madalena do Mar), o pão-de-ló do Porto Santo e as roquetas (Ponta do Sol). Como vê, caro leitor, há muito por onde escolher e o que aqui menciono, é uma pequena parte do livro. É notório que o autor teve a preocupação de apresentar receitas, que têm produtos que identificam a Região, sejam estes agrícolas e seus derivados, sejam os peixes e as carnes. Um excelente exemplo, que apesar de muitas vezes termos a sensação que a gastronomia madeirense é só filete de espada, bife de atum e espetada, Manuel Araújo demonstra no seu Roteiro que a nossa culinária é muito rica e diversificada. Um feliz 2013 com muita saúde!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:51


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Calendário

Dezembro 2012

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Número de visitas | Desde 14 de Outubro de 2007

80.000 visitas alcançadas a 9.4.2015!